terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Notas de corte do Sisu/2014 - Engenharias

Ontem publiquei um artigo explicando sobre o Sisu e as notas de corte de medicina no ano passado. Nos mesmos moldes daquele artigo, hoje vamos ver as notas de corte das Engenharia. E novamente, as tabelas trazem as notas de corte para as vagas de livre concorrência, ou seja, sem nenhuma incidência de cotas. Recomendo a leitura do artigo de ontem para que você se familiarize com esses detalhes, já que não vou explicá-los novamente.

São muitas Engenharias (você não acreditaria quantas!), então precisei tomar algumas decisões de como organizar os dados para melhor compreensão. Optei por separar as mais clássicas em tabelas próprias e deixar as demais numa tabelona final. Recomendo que você veja essa última tabela com carinho, tem muito curso interessante por lá.

Então vamos lá:

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Notas de corte do Sisu/2014 - Medicina

Amanhã, dia 13 de janeiro, é um dia importante para muitos estudantes brasileiros. É a data em que está prevista a divulgação das notas do Enem 2014, para ingresso nas Universidades a partir de 2015. Momento de grande apreensão para todos, de alegria e de tristeza. Essas notas definem, ou não, em que universidade o aluno irá estudar a partir de 2015.

Com as notas do Enem 2014, os estudantes que não zerarem a redação devem, através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), escolher a Universidade e o curso que desejam (e que seja coerente com sua pontuação). O Sisu ficará aberto de 19/01 a 22/01 para que o aluno se inscreva, e diariamente, a partir do 2º dia, divulga a classificação parcial com a nota de corte até aquele momento, para orientar o aluno na escolha do curso que cabe na sua nota.

Para ajudar nessa escolha, compilei a tabela abaixo com as notas de corte para Medicina no Sisu de 2014, em ordem crescente, em todas as universidades que adotam o sistema, para ingresso por livre concorrência (ou seja, sem considerar nenhum tipo de cota):

sábado, 3 de janeiro de 2015

Assuntos Básicos - Potenciação

O conhecimento é cumulativo. Cada novo tijolinho precisa do anterior muito bem assentado para que ele fique firme e pronto para sustentar o próximo tijolinho. Super clichê, mas mostra perfeitamente uma das maiores falhas de alguns alunos na preparação para os vestibulares: querer aprender conceitos novos sem corrigir as falhas de conhecimento do passado.
Um curso de assuntos básicos muitas vezes é negligenciado pelo aluno pois ele acredita realmente que aquilo ele já sabe. "Já vi isso mais de trezentas vezes", argumenta o aluno. "Sei decor as propriedades.".

Caiu na Fuvest (parte 5)

Ver a resolução de questões costuma ser uma boa maneira de estudar. Eu recomendo que antes, o aluno leia atentamente a questão e reflita como ele tentaria resolver, ou o que lembra sobre os assuntos envolvidos. Isso valoriza o "ver a resolução" como instrumento de aprendizagem. Mesmo a resolução de questões que sabemos resolver tem o seu mérito: aprender novos modos de abordar um determinado assunto, ou diferentes estratégias para chegar no objetivo desejado. (A videoaula está no final do texto)

Hoje vamos estudar a questão M05 da prova de conhecimentos específicos da Fuvest 2014 (3º dia da 2ª fase):

Um recipiente hermeticamente fechado e opaco contém bolas azuis e bolas brancas. As bolas de mesma cor são idênticas entre si e há pelo menos uma de cada cor no recipiente. Na tentativa de descobrir quantas bolas de cada cor estão no recipiente, usou‐se uma balança de dois pratos. Verificou‐se que o recipiente com as bolas pode ser equilibrado por:
i) 16 bolas brancas idênticas às que estão no recipiente ou
ii) 10 bolas brancas e 5 bolas azuis igualmente idênticas às que estão no recipiente ou
iii) 4 recipientes vazios também idênticos ao que contém as bolas.
Sendo PA, PB e PR, respectivamente, os pesos de uma bola azul, de uma bola branca e do recipiente na mesma unidade de medida, determine
a) os quocientes PA/PB e PR/PB;
b) o número nA de bolas azuis e o número nB de bolas brancas no recipiente.

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Caiu na Fuvest (parte 4)

Ver a resolução de questões costuma ser uma boa maneira de estudar. Eu recomendo que antes, o aluno leia atentamente a questão e reflita como ele tentaria resolver, ou o que lembra sobre os assuntos envolvidos. Isso valoriza o "ver a resolução" como instrumento de aprendizagem. Mesmo a resolução de questões que sabemos resolver tem o seu mérito: aprender novos modos de abordar um determinado assunto, ou diferentes estratégias para chegar no objetivo desejado. (A videoaula está no final do texto)

Hoje vamos estudar a questão M03 da prova de conhecimentos específicos da Fuvest 2014 (3º dia da 2ª fase):

Os coeficientes a, b e c do polinômio x³ + ax² + bx + c são reais. Sabendo que -1 e 1 + αi, com α > 0, são raízes da equação p(x) = 0 e que o resto da divisão de p(x) por (x - 1) é 8, determine
a) o valor de α;
b) o quociente de p(x) por (x + 1).

Postagens populares

Disqus for Aulas do Prof. Eloy